segunda-feira, 10 de outubro de 2011

FIFA não quer lei Cidade Limpa. Mas quem manda em São Paulo?

A Fifa pediu providências para a cidade de São Paulo sobre a Lei Cidade Limpa. A chamada Lei Cidade Limpa é uma lei contra a poluição visual no município de São Paulo que está em vigor desde o dia 1º de janeiro de 2007.

A intenção da entidade é que a lei deixe de valer 15 dias antes do início da Copa de 2014 e só volte a ser aplicada quando o Mundial terminar. Assim seus patrocinadores e parceiros comerciais poderão fazer campanhas de marketing à vontade, inclusive em outdoors colocados em fachadas e prédios comerciais, o que é vetado pela legislação municipal.

Os vereadores paulistanos, no entanto, não aceitam mexer na lei, liberando letreiros e outdoors durante a Copa, a prefeitura ainda não se manifestou.

Das 12 cidades que abrigarão jogos do Mundial, apenas duas (Brasília e Rio de Janeiro) mostram intenção de atender a todas as exigências da entidade, inclusive ressarcindo-a por eventuais perdas com a meia-entrada.

O que está em jogo agora, é a soberania do país, ou seja, será que o poder publico vai "abrir as pernas" para FIFA, ou vai valer o poder das legislação brasileira?

Vamos aguardar.

Um comentário: