quarta-feira, 11 de junho de 2014

A 2 dias da Abertura da Copa do Mundo, Itaquera vira centro turistico da cidade

A sociedade paulistana têm enraizada uma cultura elitista e de segregação socio-economico na cidade. Aqui quem mora nos bairros que durante décadas tiveram apoio dos governates e moradores poderosos e ilustres, se sentem superiores aqueles que por algum motivo moram em bairros menos prestigiados, afastado e de pouca presença do poder publico.

Uma coisa que tambem que ja é cultural da nossa sociedade, é de tentar esconder as coisa ditas como "feias", que a cidade tem ou pela sua total incompetência administrativa, que produz e não consegue resolver. Assim, sempre que a cidade tem um grande evento onde tem a oportunidade de receber turista do mundo, os levam apenas a conhecer aquilo que os governantes mantém "arrumado", pois na grande maioria das regiões nobres da cidade, são essas regiões que moram a elite burguesa e política paulistana.

A Copa foi solicitada pela CBF em 2007, e até 2010 todos em São Paulo ja sabiam onde seria realizados os jogos, onde ser teria melhorias e benfeitorias para atender o maior evento esportivo do planeta. Novamente seria em regiões que já historicamente já se obtem essas grandes ações urbanas, mas por diversos motivos no andamento da loucura da realização da Copa do Brasil, antes do ponta-pé inicial na Africa do Sul, tudo mudou. A cidade se viu sem o estádio excluido pela Fifa, e os projetos de mobilidade urbana da região nobre da cidade que ja estava em andamento em check.... Ai a cidade se volta para zona lesta, a região de Itaquera onde até então, era escondida e esquecida pelo poder publico.

Assim, como em países europeus, a cidade utilizou o evento para estruturar o bairro, pinturas, asfalto, mobilidade urbana, sinalização nova e reformar da estação do metro. E ao lado é erguido um estádio monumental para abrigar a abertura da Copa do Mundo.

O tempo passou e os hipócritas de plantão observaram que Itaquera tem a mesma distância que o estádio do bairro do Morumbi, mas tem ao seu favor um acesso muito mais facilitado devido ao transporte publico (Metrô e trêm), que a estação Corinthians-Itaquera fica literalmente ao lado da Arena Corinthians e que o bairro não é um local feio. E que lá moram pessoas trabalhadoras e muito que movimentam o cenário cultural da cidade.

Nas últimas semanas a Arena Corinthians se transformou em um cartão postal da cidade, atraindo vários curiosos, corintianos ou não, e principalmente turistas do Brasil e do Mundo, tirando fotos, levando a família curiosamente a um local que ninguém acreditava que essa demanda de visita seria possível ou tivesse o tamanho interesse.

Enfim, Itaquera está hoje no centro do mundo, será a "sala de estar" para milhões de pessoas, e com muito orgulho mostrará a alegria, a criatividade e a força dos paulistanos e brasileiros.

É muito cedo para dizer se depois da Copa, a região se transformará para melhor, dependerá muito do poder publico a continuação das ações, mas sem dúvida o pouco que foi feito, mesmo com décadas de atraso já faz ao moradores da região se sentirem mais cidadãos e finalmente inseridos na sociedade da cidade de São Paulo.











Nenhum comentário:

Postar um comentário